LETRAS DO TREM - AS MÚSICAS DO TREM DA ALEGRIA - DISCOGRAFIA COMENTADA DISCO POR DISCO, LETRA POR LETRA

9 de set de 2008

LING LI LING

12. LING LI LING
Duração: 03:30
Compositores: Carlos Fernando e Tony Silva

Ling Li Ling era um chinês
Que acordava às dez pras seis
Tinha uma loja de pastel
De rapadura e pão de mel
Caldo de cana e amendoim
Café com bolo de aipim
E uma torta de maçã
Que tinha gosto de hortelã (pode?)

O chinês era lelé da cuca
Mas que coisa maluca
Assim eu nunca vi
Mal sabia falar português
Pedaço de queijô é tlinta e tlês

Ling, ling, ling, ling, ling
Ling li ling ôô
Ling, ling, ling, ling, ling
Ling li ling ôô

COMENTÁRIOS

Precursora de uma série de músicas desse tipo que o Trem cantaria nos anos seguintes, é uma canção politicamente incorreta, que abusa do estereótipo dos orientais, mostrando-lhes meio atrapalhados e abobalhados e tirando um barato da maneira engraçada de falar, com sotaque.

Como sempre, é Juninho Bill o responsável por cantar as músicas mais engraçadas. Aqui, lá vai ele gozar o tal Ling Li Ling. Coitado, um dedicado trabalhador, que veio tentar a vida no Brasil! Lelé da cuca, uma ova!

O blog Plunc Plact Zum! fez há uns três anos uma análise muito interessante da música Ling Li Ling, aproveitando a letra para fazer uma relação com os lados político e econômico da China. Pode ser que você ache que o cara viajou legal, mas acho que foi daí que partiu um pouco da minha idéia de escrever sobre todas as músicas do Trem da Alegria. Destacamos um trecho:

Talvez o chinês fosse lelé da cuca mesmo, onde já se viu regime comunista em plena década de oitenta. Nem mesmo a poderosa União Soviética pôde resistir ao conflito com o ocidente, que dirá de um gigante agrário que mata suas crianças por não poder sustentá-las. Planejada ou não, a manobra deu certo e a abertura controlada aos mercados salva o barco.

Esse texto citado acima se resume na seguinte idéia: se ontem ríamos dos chineses, hoje eles, que formam a segunda maior economia do mundo, é que riem da gente, pois mandam no comércio e na indústria, e tudo o que tem por aí e compramos é "made in China". O autor praticamente vinga os chineses das crianças que tiraram sarro deles, cantando com o pessoal do Trem. Interessante!

Saindo do mundo globalizado da macro-economia, no qual o poder chinês encanta e assusta (como muito bem vimos na Olimpíada de Pequim 2008), em nosso pequeno universo do cotidiano, do dia-a-dia, tirar um sarrinho do jeito daquele homenzinho da quitanda ou do mercadinho ainda pode ser engraçado. Mas sem exagerar, hein. Senão, ofende...

2 comentários:

  1. Acho muito legal essa música,e tbm gosto do jeito que vc comenta as músicas...

    ResponderExcluir
  2. A música mais fraca do disco.

    ResponderExcluir

NO AR: TREM DA ALEGRIA, UMA HISTÓRIA DE SUCESSO



CLIQUE AQUI E VEJA TODOS OS VÍDEOS DO TREM DA ALEGRIA DE NOSSO CANAL NO YOUTUBE

"Um abração e muito obrigado por essa iniciativa tão bela... esse resgate tão precioso em nossas vidas!!
Muito obrigado!!!"
LUCIANO NASSYN

"Poxa, que demais esse vídeo. Gostei bastante e matei saudade. Obrigado a todos!"
JUNINHO BILL
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...